Coleus

Coleus (Solenostemon scutellarioides)

 

Reino: Plantae

Família: Lamiaceae

Gênero: Plectranthus

Nome Científico: Solenostemon scutellarioides

Nomes Populares: Cóleus, Coração-magoado

Categoria: Folhagens, Forrações à Meia Sombra, Forrações ao Sol Pleno

Clima: Equatorial, Oceânico, Subtropical, Tropical

Origem: Ásia, Indonésia, Java, Malásia

Altura: 0,1 a 0,4 metros

Luminosidade: Meia Sombra, Sol Pleno

Ciclo de Vida: Perene

 

O cóleus é uma planta herbácea muito apreciada pelo colorido de suas folhas. Ela originou-se da hibridização entre espécies do gênero Solenostemon, como S. laciniatus e S. bicolor e atualmente conta com numerosas cultivares. Suas folhas são grandes, macias e podem apresentar diversas cores e combinações entre amarelo, vermelho, rosa, roxo, verde e marrom. É interessante observar que as cores das folhas podem formar degradeés ou contrastar bruscamente. As flores azuladas surgem em inflorescências do tipo espiga, acima da folhagem, em qualquer época do ano e têm importância ornamental secundária.

As cores vivas desta vistosa folhagem podem ser aproveitadas em diversos ambientes. No jardim, ela poderá formar maciços ou conjuntos, além de bordaduras junto a muros. Em pátios e varandas, ou em uma janela bem iluminada, o cóleus será uma espécie muito decorativa, podendo ser plantado em vasos ou jardineiras. Em climas quentes, é possível desfrutar de sua beleza colorida o ano todo. É uma planta de baixa manutenção, não exigindo podas e tolerando um pouco a estiagem. Atinge cerca de 40 a 90 cm de altura, de acordo com a variedade.

Coleus (ou cóleus) é a designação comercial e o nome comum de um conjunto de espécies da família Lamiaceae utilizadas como plantas ornamentais. A designação correspondia ao nome genérico do antigo género Coleus Lour., 1790, um gênero da família Lamiaceae que as classificações mais recentes não reconhecem como válido.

As espécies que eram incluídas em Coleus foram repartidas pelos géneros Plectranthus e Solenostemon. Dado que a espécie tipo do antigo gênero Coleus, Coleus amboinicus (hoje Plectranthus amboinicus) foi colocada no gênero Plectranthus, Coleus é presentemente considerado um sinônimo taxonómico de Plectranthus.

O termo “coleus” é atualmente frequentemente utilizado como um nome comum para algumas das espécies anteriormente integradas no extinto gênero Coleus que são cultivadas e comercializadas como plantas ornamentais, particularmente Coleus blumei (hoje Plectranthus scutellarioides), espécie muito popular pela sua folhagem brilhantemente colorida.

Deve ser cultivada sob pleno sol ou meia sombra, em substrato bem drenável, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente. Adubações a cada 15 dias são suficientes para que a planta cresça bonita. Apesar de perene, o cóleus deve ser replantado bienalmente, pois perde a beleza com a idade. Planta tipicamente tropical, que pode ser conduzida em clima temperado, requerindo estufa no inverno. Não tolerante a geadas. Multiplica-se por sementes e estacas de caule e ponteiros.

 

Referências:

Disponível em: https://pt.wikipedia.org/wiki/Coleus. Acessado em: 14 jul 2021.

Disponível em: https://www.jardineiro.net/plantas/coleus-solenostemon-scutellarioides.html. Acessado em: 14 jul 2021.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *